sábado, 1 de julho de 2017

Alberto João atira-se ao «pequenote»

«O funcionário que assume o papel de pau mandado do Terreiro do Paço, continua a gabar-se da sua desastrada gestão dos dinheiros do povo madeirense. 
Agora teve a grande lata de afirmar que a Região pagou em 2016 cerca de 360 milhões de euros ao governo de Lisboa enquanto continua a falar de um superavit que só serviu para o governo da ''geringonça'' baixar o seu défice.
''Grande'' estratega o peste.
O feito de que ele se gaba constantemente foi conseguido à custa das poupanças dos madeirenses e dos porto-santenses e das empresas que continuam a ser massacrados com os impostos mais altos do país, seja em IVA, IRS ou IRC.
Enquanto a criatura desgoverna o povo continua a assistir aos gastos dos incompetentes que passam a vida a bordo de aviões em viagens para a África do Sul (então para Inglaterra é um fartote), e também para os Estados Unidos.
Com esta pequena figura o poder está a ser entregue ao continente.
Pior só o anormal Passos, o tóxico que que descredibiliza todos os dias o seu partido e foi o grande responsável pela subida ao poder da geringonça.
E o tal que um dia destes falou em união teima em andar de braço dado com este ressabiado.
Neste caso devem ser coisas de irmandade!» Ver renovadinhos
Morreu Simone Veil

Sem comentários:

Enviar um comentário