domingo, 16 de março de 2014

A História da vida de Valentim Loureiro. Vale a pena ler


Cavaco e Condecorações

UM GRANDE PORTUGUÊS, segundo Cavaco Silva !!!

DE FACTO CAVACO SILVA DEVE DE ESTAR CHONÉ !!! ESTA É MAIS UMA DAS
VERGONHAS EM QUE ESTE SENHOR É PROTAGONISTA ,É MESMO UM ESCANDALO
NACIONAL !! O PODER DITATORIAL PARTIDÁRIO ESTÁ EM GRANDE A FUNCIONAR..
DARÁ PARA ACREDITAR ???
UM GRANDE PORTUGUÊS !!!
A biografia do Major
Valentim dos Santos de Loureiro (Nasce em Calde, a 24 de Dezembro de 1938),
empresário, político e dirigente desportivo português.
Frequentou o curso de Direito na Faculdade de Direito da Universidade de
Coimbra, sem o terminar. Juntou-se ao exército sobre o regime Salazarista,
tendo completado o curso da Academia Militar na especialidade de Manutenção
Militar (normalmente designados por padeiros) ! Já na Academia era conhecido
pelas suas habilidades !
Anos depois, já capitão, foi julgado e condenado em tribunal militar por
andar a roubar no preço das batatas que comprava para o exército em Angola.
Foi também condenado por roubar as rações do exército para
lucro próprio (ficando posteriormente conhecido por muitos como o "Capitão
Batata").
Isto porque estava no aprovisionamento militar e desviava géneros e bens
alimentares para vender para fora.
Foi expulso, com desonra, do exército.
Depois do 25 de Abril, e sem qualquer pedaço de vergonha, muito típica nele,
pede a readmissão invocando que tinha sido expulso por motivos políticos,
pedindo igualmente a promoção a major, cargo que ocupavam os seus colegas da
Academia! Desdobra-se em contatos com os movimentos de libertação das
colónias que parece conhecia bem (pudera!)e com o Conselho da Revolução !
Por esse motivo, o oficial que apreciou o seu recurso e pedido de
readmissão, com relutância aceita o pedido, mas impõe como condição para a
promoção a major, se passar imediatamente à reserva, em virtude da vergonha
de todo o seu processo, que nunca teve nada de política, mas sim de expulsão
vergonhosa. `
É promovido e sai logo o que não era normal aos militares de carreira ! Por
esse motivo é que hoje não está reformado como general ou no mínimo coronel !
O seu processo militar, misteriosamente desapareceu ! Ninguém, ou talvez não,
sabe para onde foi
Desviou, alegadamente, 40.000 contos do BCP com uma transação com um cheque
em dólares americanos sobre um banco que não existia.
Como cônsul "honorário" da Guiné-Bissau usou esse título para, alegadamente,
falsificar certidões de nascimento de jogadores e potenciais jogadores de
futebol, que comprou e vendeu numa tipologia de negócio pouco digna.
O semanário Expresso, passa-lhe uma rasteira, a ele e ao filho (filho de
peixe) e consegue que ambos lhe concedam uma entrevista, que eles esperam
lhes seja favorável aos seus interesses políticos e não só !
A jornalista, já não me recordo bem se uma se um, pespega no jornal toda a
vida do homem, numa página inteira do semanário, desde os tempos de liceu,
ouvindo vários dos antigos e atuais colegas !
O major e o filho dizem que tudo o que foi publicado não passa de um
chorrilho de mentiras (o usual em tais casos) e que vai processar de
imediato o jornal e a jornalista !
Não tenho conhecimento de nenhum processo de então ou que posteriormente
tivesse entrado em qualquer tribunal
Distinguiu-se como dirigente desportivo, tendo sido presidente do Boavista
F.C. entre 1972 e 1995 e presidente da Liga Portuguesa de Futebol
Profissional (LPFP) até Agosto de 2006. Actualmente (2008),
é presidente da Assembleia Geral da mesma instituição.
Na política, foi militante do Partido Social-Democrata, tendo sido
presidente da Comissão Política Distrital do PSD/Porto. Assumiu um papel
ativo quando em 1993 aceitou ser candidato à Presidência da Câmara Municipal
de Gondomar, vencendo as eleições desse ano, e as de 1997 e 2001. Após ser
desfiliado do PSD por ser acusado de práticas ilícitas enquanto autarca !
Venceu novamente as eleições de 2005, com a lista independente «Gondomar no
Coração», que alcançou 57,5% dos votos (como dizia Brito Camacho (?) os ricos
ao poder, são ricos roubam menos)
Ficaram célebres as campanhas que organizou, pela oferta de eletrodomésticos
em troca de votos.
Foi ainda Presidente da Junta Metropolitana do Porto, entre 2001 e 2005 e
Presidente do Conselho de Administração da Empresa Metro do Porto,
S.A. (administração cheia de dívidas)
Em Julho de 2008 foi sentenciado a 3 anos de prisão com pena suspensa, no
âmbito do processo judicial conhecido como Apito Dourado.
Foi recentemente condecorado com a Grã Cruz da Ordem do Infante D. Henrique,
por Cavaco Silva, por motivos referentes aos seus "serviços relevantes a
Portugal, no país e no estrangeiro, pelos serviços de expansão da cultura
portuguesa, sua história e seus valores".
 Um gesto inaceitável por parte de alguns, tendo em conta o historial negro
do indivíduo.
Pelos Portugueses é considerado uma Vergonha Nacional, mas infelizmente pela
classe política é um herói em virtude de pertencer à corja de políticos que
temos. (diz-me com quem andas ...)
 Isto nada abona a favor do nosso país e mostra que somos um povo passivo que
nada faz para o seu próprio bem futuro.
"Há um século, no mínimo, era a forca..."PARA O CONDECORADO E PARA
O CONDECORADOR"
Elina Fraga quer o MP a investigar atuação de firma denunciada pela Deco
A Ordem dos Advogados ( OA) investigou 280 casos de falsos advogados no ano passado. O que eleva para 765 o número de processos entre 2011 e 2013 por suspeitas de procuradoria ilícita. Ou seja, da prática de atos atribuídos a advogados ou a solicitadores sem o ser. (fonte DN/Lisboa)

4 comentários:

  1. Major Valentim Loureiro era Oficial de Administração Militar(padeiros) e não de Serviço de Material(besuntas)....

    ResponderEliminar
  2. Uma vergonha! Termos que assistir a estas notícias todos od dias mas a culpa é de quem vota nesta corja de corruptos.

    ResponderEliminar
  3. Moro em Gondomar, mas não sou de cá e o maior nojo da minha vida foi ter aqui a gerir a casa amarela como geriu as batatas no exército, mas este povinho gosta de ladrões e de viver com eles, andam cheios de fome e estão à espera dele para comerem um caldo de nabos e umas sardinhas podres... coitados,, mas que gente será esta ?....uma mmmmm...

    ResponderEliminar